Presos em Vitrória - Rui Pereira, ex MAI

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Presos em Vitrória - Rui Pereira, ex MAI

Mensagem por иuησ em Seg 13 Fev 2017, 14:48

"Em Portugal, a Constituição é ambígua e permite que a lei decida se polícias e militares podem constituir sindicatos e decretar greves. Ora, a lei proíbe os militares de formar sindicatos e as forças de segurança (apenas GNR e PSP) de realizar greves. Mas a lei pode ser violada ou iludida. Só o sentido do dever do Estado e dos polícias nos impede de cair na anarquia."

Rui Pereira, Professor Universitário 

http://www.cmjornal.pt/opiniao/colunistas/rui-pereira/detalhe/presos-em-vitoria?ref=opiniao_MaisNoticias


avatar
иuησ
Tenente-Coronel
Tenente-Coronel

Masculino
Idade : 40
Profissão : GNR Cavª
Nº de Mensagens : 14133
Mensagem :
Nuno Miguel Guedes

Coordenador da Região de Lisboa

ASSOCIAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA GUARDA - APG/GNR

Meu alistamento : 2000 - AIP

https://www.apg-gnr.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Presos em Vitrória - Rui Pereira, ex MAI

Mensagem por NIC em Ter 14 Fev 2017, 08:08

иuησ escreveu:
"Em Portugal, a Constituição é ambígua e permite que a lei decida se polícias e militares podem constituir sindicatos e decretar greves. Ora, a lei proíbe os militares de formar sindicatos e as forças de segurança (apenas GNR e PSP) de realizar greves. Mas a lei pode ser violada ou iludida. Só o sentido do dever do Estado e dos polícias nos impede de cair na anarquia."
Rui Pereira, Professor Universitário 
http://www.cmjornal.pt/opiniao/colunistas/rui-pereira/detalhe/presos-em-vitoria?ref=opiniao_MaisNoticias

Era bom que se lembrassem disso...
avatar
NIC
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 49
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 751
Meu alistamento : 1990

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Presos em Vitrória - Rui Pereira, ex MAI

Mensagem por CARI2013 em Ter 14 Fev 2017, 22:42

"a lei pode ser violada ou iludida" ( Rui Pereira Ex-ministro da administração interna)



Este tipo de raciocínio é uma verdadeira arte em Portugal: a de fintar a ordem universal das coisas apenas e só com a semântica. Obviamente que a lei sente se a quebrarem; mas se a contornarmos já não, porque no acto de "ir à volta" não há embate algum e, tecnicamente, ninguém sai aleijado, inclusive a lei"
avatar
CARI2013
Sargento-Mor
Sargento-Mor

Masculino
Idade : 35
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 2860
Mensagem : «Uma das maiores subtilezas da arte militar é nunca levar o inimigo ao desespero.»
(Michel de Montaigne)
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares