Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por Croco em Sab 03 Set 2016, 09:50

Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, e o Presidente da República visitaram recentemente a Direção Geral da PSP
  |  TIAGO PETINGA/LUSA


32 mil dias de dispensa gozados por dirigentes dos 15 sindicatos da PSP levam governo a ponderar alterar a lei


Quinze sindicatos, 2740 dirigentes e delegados, 32 mil dias de dispensas gozadas num ano. É este o atual cenário na PSP e que está a atingir o seu ponto mais crítico na gestão dos recursos humanos: todos os meses, nove mil escalas de serviço (turnos) são obrigadas a alterações por causa da concessão dos créditos sindicais - cada dirigente tem direito a gozar quatro dias por mês e os delegados 12 horas.
Questionada pelo DN sobre a atual situação e as medidas que podem ser tomadas, Constança Urbano de Sousa não abriu totalmente o jogo, mas levantou a ponta do véu dando um sinal para as suas intenções: "A existência de um elevado número de sindicatos na PSP, alguns com muita reduzida representatividade, conduz a uma diluição do peso negocial na defesa de interesses coletivos, em prejuízo destes, da liberdade sindical e do funcionamento da instituição", sublinha.


A ministra admite assim que "é necessário pensar seriamente no aperfeiçoamento dos mecanismos legais de representatividade socioprofissional da PSP, que permita manter os princípios subjacentes à liberdade sindical e o direito de negociação coletiva, garantindo ao mesmo tempo o seu genuíno exercício em benefício do interesse público e dos interesses dos associados".


E até o secretário-geral da CGTP diz: "Não conheço nenhum outro setor assim". Para Arménio Carlos. "a vida já demonstrou que a proliferação de sindicatos fragiliza o poder negocial e nada tem trazido de vantagens aos trabalhadores, neste caso aos polícias. Além de que as entidades patronais, neste caso o governo, sabem bem aproveitar essas divisões contra os interesses dos profissionais".


Dados a que o DN teve acesso em exclusivo são conhecidos por algumas das estruturas sindicais da PSP, que concordam com a situação "insustentável" que resulta no "descrédito" do movimento sindical desta força de segurança. Cada vez que inicia um processo negocial - está agora a decorrer o relativo ao Regulamento Disciplinar da PSP - a ministra da Administração Interna tem que fazer 15 reuniões, uma com cada sindicato, chegando a maior parte das vezes às 30 sempre que há segundas rondas negociais. Constança Urbano de Sousa, tal como outros antecessores, tem vontade de acabar com os excessos e abusos, mas trata-se de uma matéria altamente sensível.
A ministra já auscultou informalmente sindicatos em relação a uma possível alteração legislativa, conforme confirmaram ao DN algumas destas estruturas. A solução pode passar, não pela limitação do número de sindicatos que seria inconstitucional, mas pela limitação dos créditos obrigando a que fossem proporcionais à representatividade das organizações.


O governo precisa dos seus aliados de esquerda para uma mudança desta natureza e sabe que terá sempre como limite não por em causa o sindicalismo na polícia. O PCP não afasta esse apoio, embora, ainda não tenha formado uma posição oficial. No entanto, afiança o deputado António Filipe, "é evidente que toda esta divisão e proliferação de sindicatos é prejudicial aos próprios polícias".


José Teixeira é presidente de um dos mais recentes sindicatos, o 14º, criado em fevereiro deste ano, o Sindicato de Polícia pela Ordem e Liberdade (SPPOL). Tem 261 sócios, dos quais 249 são dirigentes e delegados. Ao DN reconhece "com muita tristeza" que "se créditos sindicais forem limitados, mais de 50% dos sócios vão embora" e o seu sindicato "tal como muitos outros pequenos vão colapsar". Mas compreende que "não pode haver abusos, se se quiser levar o sindicalismo a sério. 


Infelizmente há muita gente que só vem para os sindicatos para ter folgas".


Os 32 mil dias de dispensa que foram concedidos em 2015 tiveram um impacto em toda a gestão e organização do trabalho em cada esquadra, equivalendo em cada um desses dias a menos quatro turnos de patrulhas que podiam ter sido feitas. O presidente do Sindicato Nacional dos Oficiais de Polícia, Henrique Figueiredo, que representa grande parte dos comandantes, tem essa noção clara. "Há unidades onde não se asseguram os mínimos (atendimento e carro patrulha) porque a quantidade de dirigentes e delegados é tal que não há gestão que aguente. Há unidades em que metade do efetivo é dirigente ou delegado. Em mais do que a gestão dos comandantes, o principal impacto é nos colegas, que veem os seus horários alterados em cima da hora para taparem os "buracos" deixados pelos que estão a gozar os créditos sindicais", assinala.
http://www.dn.pt/portugal/interior/ministra-diz-que-ha-um-elevado-numero-de-sindicatos-na-policia-5369898.html
avatar
Croco
Major
Major

Masculino
Idade : 48
Profissão : Militar da GNR
Nº de Mensagens : 7853
Mensagem : "As maiores virtudes do homem são: A honestidade e a humildade"

Meu alistamento : 1991 CIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por carlos morais em Sab 03 Set 2016, 10:09

É a única vez que concordo com a ministra,como se pode negociar com tantos sindicatos.  :cop:

carlos morais
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 57
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 1142
Mensagem : Pela Patria e pela Lei
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!
1983

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por antipilho em Sab 03 Set 2016, 11:31

Na GNR há uns 3 ou 4 e já são de mais.
avatar
antipilho
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 27
Profissão : Guarda
Nº de Mensagens : 607
Mensagem : C.R.P. Artigo 26.º Outros direitos pessoais 1. A todos são reconhecidos os direitos à identidade pessoal, ao desenvolvimento da personalidade, à capacidade civil, à cidadania, ao bom nome e reputação, à imagem, à palavra, à reserva da intimidade da vida privada e familiar e à protecção legal contra quaisquer formas de discriminação.
Meu alistamento : 2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por DNS em Sab 03 Set 2016, 11:42

antipilho escreveu:Na GNR há uns 3 ou 4 e já são de mais.
E um ou dois são politicos.
avatar
DNS
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 105
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 635
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por Guarda que anda à linha em Sab 03 Set 2016, 12:39

antipilho escreveu:Na GNR há uns 3 ou 4 e já são de mais.

E um não nos defende com unhas e dentes os direitos que deveria defender correspondentes aos deveres da condição militar a que estamos sujeitos, nunca se refere a nós como militares que somos, e teima em nos tentar comparar e equiparar com forças de segurança civis que é o que não somos, e que é o que nunca vamos ser.
avatar
Guarda que anda à linha
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 51
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 800
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por jarosma em Sab 03 Set 2016, 15:30

A Senhora tem muita razão, na Guarda não são sindicatos mas sim associações sócio-profissionais e  todas juntas valem ZERO..... são as associações dos comunicados e do dizem que  faz, mas  os problemas que afectam os Militares da Guarda continuam eternizados, e algumas andam ao sabor da agenda politica dos partidos que as suportam, como tal não é de estranhar que quase que tenham desaparecido de cena desde a tomada de posse deste (des) governo incumpridor da leis da Republica Portuguesa.
avatar
jarosma
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 56
Profissão : militar gnr
Nº de Mensagens : 504
Meu alistamento : 1981

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por Mike 07 em Sab 03 Set 2016, 16:42

antipilho escreveu:Na GNR há uns 3 ou 4 e já são de mais.


 Para mim seria o numero ideal, eu sou a favor dos sindicatos, mas na PSP o numero exagerado de sindicatos gera mau ambiente em algumas Esquadra.
 Um Agente mete um excesso ou um artigo, não sai porque alguém meteu um dia de sindicato, que normalmente é aos fins de semana ou nas noites!!!

 Um dirigente tem 4 dias por mês acumuláveis. À casos que em 6 dias de trabalho metem 6 dias de sindicato.
avatar
Mike 07
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 42
Profissão : Agente autoridade
Nº de Mensagens : 610
Meu alistamento : 1996

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por CARI2013 em Sab 03 Set 2016, 16:52

"Quinze sindicatos, 2740 dirigentes e delegados, 32 mil dias de dispensas gozadas num ano. É este o actual cenário na PSP"


Gabinete da Ministra da Administração Interna

FunçãoNomeRendimento brutoRendimento líquidoData de nomeaçãoPublicação em DRE
Chefe do GabineteJorge Albino Alves Costa (A)6 973,65 €3 578,49 €27/11/2015Despacho
AdjuntoPatrícia Isabel Garlito Cerdeira3 278,07 €1 948,82 €01/12/2015Despacho
AdjuntoPreciosa Maria Da Costa Gonçalves Passinhas3 278,07 €1 948,82 €10/12/2015Despacho
AdjuntoAna Sofia Falcão Correia Galinho3 278,07 €1 948,82 €21/12/2015Despacho
AdjuntoStélio Jorge Santos Pinto Correia Lopes3 278,07 €1 948,82 €01/02/2016Despacho
AdjuntoAna Paula Pinto Ferreira Lourenço3 278,07 €1 948,82 €27/11/2015Despacho
Técnica EspecialistaBeatriz Maria Mascarenhas Lavrador Neto Guimarães3 278,07 €1 948,82 €27/11/2015Despacho
Técnico EspecialistaLuís José Rodrigues Leitão Tomé (d)3 278,07 €1 948,82 €27/11/2015Despacho
Técnica EspecialistaPaula Cristina de Menezes Véran3 278,07 €1 948,82 €14/12/2015Despacho
Técnico EspecialistaPaulo Jorge de Almeida Pereira (e)3 889,30 €2 182,79 €01/01/2016Despacho
Técnico EspecialistaCarlos Alberto Nunes da Costa Pinto (f)3 830,78 €2 151,88 €26/11/2015Despacho
Técnico EspecialistaFernando António Parreiral Pinheiro da Silva (g)4 008,67 €2 246,07 €01/05/2016Despacho
Secretária PessoalRute Moura Martins (B)2 004,02 €1 352,91 €26/11/2015Despacho
Secretária PessoalMaria Benedita Botelho Parreira De Pinho Tavares2 004,02 €1 352,91 €30/11/2015Despacho 
Retificação
Coordenador de ApoioCarla Sofia Da Rocha Almeida2 100,51 €1 395,79 €26/11/2015Despacho
Coordenador de ApoioCarolina Gomes Condeço De Oliveira2 100,51 €1 395,79 €26/11/2015Despacho
Apoio técnico-administrativoJoaquina Maria De Almeida Dias Fernandes Das Neves1 702,41 €1 199,49 €26/11/2015Despacho
Apoio técnico-administrativoFilomena Maria Ferreira José Dos Santos (C)1 702,41 €1 199,49 €26/11/2015Despacho
Apoio técnico-administrativoSusana Margarida Fernandes Oliveira Esteves (C)1 702,41 €1 199,49 €26/11/2015Despacho
MotoristaRui Manuel De Jesus De Almeida Pinto2 066,74 €1 373,74 €26/11/2015Despacho
MotoristaJosé Manuel De Carvalho Martins (C)2 066,74 €1 373,74 €01/12/2015Despacho
MotoristaCláudio Renato Bidarra Caldas2 066,74 €1 373,74 €14/12/2015Despacho
Pessoal AuxiliarMaria Fernanda Domingues Pereira Gonçalves1 120,81 €867,85 €26/11/2015Despacho
Pessoal AuxiliarMaria Manuela Contreiras (C)1 120,81 €867,85 €26/11/2015Despacho
NOTA: PARA REFLEXÃO .....
avatar
CARI2013
Sargento-Mor
Sargento-Mor

Masculino
Idade : 35
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 2860
Mensagem : «Uma das maiores subtilezas da arte militar é nunca levar o inimigo ao desespero.»
(Michel de Montaigne)
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por COELHO.X em Sab 03 Set 2016, 17:59

Eu fiz parte de uma associação e prescindi de muitos dias e nao eram muitos os que me eram concedidos.
Acho exagerado os dias concedidos na psp, ja na gnr os dias sao menores pois não existe sindicato!
Nisto a ministra tem razão, mas se é assim que pensa que põe homens a trabalhar está enganada, pois muitos deles até são impedidos!!!
Existem outras coisas mais importantes para se resolver.

E já agora, excelente timing para uma entrevista sim senhor...so nao percebe quem é burro!!!
avatar
COELHO.X
Tenente
Tenente

Masculino
Idade : 39
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 4766
Mensagem : Passam Céleres Altivos e Impenetráveis..é a Cavalaria que Passa!
"Para ter inimigos, não precisa declarar guerras, apenas diga o que pensa..."

Martin Luther King

Meu alistamento : (1999) Século Passado!!Há pois é.


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por Edr See em Sab 03 Set 2016, 19:27

Não deixa de ser verdade, muitos se não fossem dirigentes, deixavam de ser associados ou faziam como alguns, criavam outras associações! 
Acredito que os sindicatos da PSP, tenham força no poder negocial com a ministra, mas as nossas associações é um pro form! Por isso o nome e estatutos completamente diferentes!
avatar
Edr See
Capitão
Capitão

Masculino
Idade : 36
Profissão : Militar das Forças de Segurança
Nº de Mensagens : 5739
Mensagem : Tenho fé que um dia a instituição seja mais justa para com os seus elementos...
Meu alistamento : 01SET03 - GIA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por Maldisposto em Sab 03 Set 2016, 20:15

carlos morais escreveu:É a única vez que concordo com a ministra,como se pode negociar com tantos sindicatos.  :cop:
Assino por baixo. militar
avatar
Maldisposto
Cabo-Mor
Cabo-Mor

Masculino
Idade : 55
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 334
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por Pinto da Costa em Sab 03 Set 2016, 21:42

 :bravo: militar
avatar
Pinto da Costa
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 48
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 1236
Meu alistamento : 1991 Guarda Fiscal


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por COYOTE em Sab 03 Set 2016, 21:44

E porque não apenas uma associação na Guarda,  composta pelos vários dirigentes das existentes para defender os nossos interesses? hmm  


Quando mais unidos mais fortes. ........ Um adversário dividido será vencido.
avatar
COYOTE
Guarda Provisório
Guarda Provisório

Masculino
Idade : 41
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 43
Meu alistamento : 03/11/1997

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por jjgc em Dom 04 Set 2016, 09:13

A ministra diz........o que é certo é que à conta da força das muitas associações da PSP, em Novembro lhes aprovou o Estatuto conforme eles queriam.....com um horário semanal de 36 horas......com uma nova tabela remuneratório que deu um aumento de 50€ para todos os elementos.......e com  passagem à pré-aposentação aos 60 anos....

....enquanto a nós é o que se vê........agora com o horário.......e em breve com a idade da passagem à reserva !!!
avatar
jjgc
Cabo
Cabo

Masculino
Idade : 40
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 157
Mensagem : lavar cabeças a burros é gastador de sabão !
Meu alistamento : 1999

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por jose alho em Dom 04 Set 2016, 13:16

Acho que só devia haver dois sindicatos e duas associações:

Uma ligada à politica para saber o que os senhores da politica querem e pressioná-los e outra em cada instituição totalmente INDEPENDENTE ...... para poderem falar sem terem "rabos" de palha.....

Quanto aos dias defendo que o CG deveria expor anualmente os dias gozados pelos dirigentes das associações e as actividades que os mesmos efectuaram nesses dias pedidos e o dias da semana a que tiveram dispensados..................................................................
avatar
jose alho
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 83
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 1951
Mensagem : Presidente da ASPIG.

Comentador da crónica criminal da TVI

O primeiro e único comentador da Instituição.





Meu alistamento : 1986.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por CARI2013 em Dom 04 Set 2016, 14:58

O timing de certas noticias na imprensa diária - que mais parecem encomendadas pelo Governo - demonstram a dificuldade que o Governo tem em se entender com certos sindicados e/ou associações profissionais. 
As reiteradas noticias - com estatísticas complexas - sobre o estado da segurança social, caixa geral de aposentações, militares em serviços burocráticos, parece que visam um escrutínio , a favor do Governo,  por parte do POVO.
Ninguém faz um levantamento - para posterior publicação nos órgãos de comunicação social -  dos diplomas legais que o Governo não cumpre, não regulamenta ou de uma lista de cidadãos para quem o  Estado está em divida...
avatar
CARI2013
Sargento-Mor
Sargento-Mor

Masculino
Idade : 35
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 2860
Mensagem : «Uma das maiores subtilezas da arte militar é nunca levar o inimigo ao desespero.»
(Michel de Montaigne)
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por Guarda que anda à linha em Seg 05 Set 2016, 12:38

Já alguém aqui falou no timing (inicio do mês de Setembro) para esta entrevista/tema do assunto vir agora a lume, exatamente na sequência de outras que nos últimos dias/meses têm vindo também.

Mas é claro que não há inocência no timing em que o assunto é abordado. Porque, está em marcha a continuação do processo iniciado em 2005 (agora sob a forma de um novo Decreto lei) de cortar ainda mais e alterar as condições de aposentação, reserva e reforma dos militares e policias, ao mesmo tempo que as suas funções de perigo, de risco, e de desgaste rápido não lhes serem reconhecidas como tal.

Entretanto, e pelo meio, a uns (aos militares da GNR) deram-lhes um rebuçadito/presente envenenado, um horário de referência, que mais que não é que, para a maior parte deles, a continuação do cumprimento dos horários que já fazem atualmente, até porque, vão continuar a estar sempre condicionados e sujeitos ao dever de disponibilidade.

E que jeito deu agora nesta altura, a criação do horário de referência, enquanto se prepara a “cama” para o pior que ai vem! E que jeito dá agora, os militares da Guarda andarem entretidos a falar do horário de referência. E, pasme-se, até dirigentes associativos criticarem a sua (ainda) não aplicação, ao ponto de caírem no ridículo de dizerem aos Guardas para contabilizarem as horas a mais que estão a fazer desde o dia 1 de setembro de 2016?!

Que jeito que dá agora, o “povo” entreter-se com estas imbecilidades, enquanto que nos corredores se vão preparando as medidas mais duras de sempre com que os militares da Guarda irão, no futuro, ter que viver.

E o que está agora em causa e o que se pretende, é que os policias e militares trabalhem mais anos, façam mais descontos, passem à reserva, pré aposentação e reforma mais tarde e, quando se reformarem, principalmente os que ingressaram nestas instituições há menos tempo (e este menos tempo é desde 1994 para cá), assim como os que nelas vão ingressar no futuro, passem a ter reformas de 40/50% do ultimo vencimento que receberam antes de ser reformarem. Como tal, há que fragilizar já o “inimigo” (os sindicatos) com quem se vai negociar, para se impor o que se pretende sem grandes ondas, resistências, e sem barulho.

Este processo teve início em setembro de 2005, altura em que levamos a primeira parte desta machadada.
 
Machadada nos militares da GNR aqui:
 
http://asficpj.org/temas/legislacao/declei159_2005.pdf
 
Machadada nos agentes da PSP aqui:
 
http://www.aspp-psp.pt/images/aspp/regaposenta.pdf
 
A segunda parte da machadada que está para ser dada a partir de setembro de 2016, a uns e outros está aqui:
 
http://www.operacional.pt/docs/Reformas.pdf
 
http://www.operacional.pt/uma-explicacao-sobre-a-questao-das-reformas-dos-militares/
 
Entretanto, quem deveria estar já com atenção máxima em relação a isto e estar a preparar-se já para cerrar fileiras e nos defender em relação a isto, vai – se entretendo com isto:
 
Na quinta-feira, a APG apelou a todos os militares da GNR para que contabilizem as horas que trabalhem a mais, uma vez que o horário de referência entrou em vigor a 1 de Setembro. A portaria estabelece que o período máximo de trabalho dos militares da GNR passa para as 40 horas semanais, que será calculado mensal ou trimestralmente, de acordo com os regimes de prestação de serviço e modalidade de horário aplicáveis.”
 
https://www.publico.pt/sociedade/noticia/gnr-preparase-para-fixar-horarios-de-servico-aos-guardas-1743016
avatar
Guarda que anda à linha
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 51
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 800
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por иuησ em Seg 05 Set 2016, 19:19

Esta noticia ou este tipo de noticias saiem sempre com algum pretexto... Neste caso foi para os Sindicatos da PSP mas acaba por (inevitávelmente) atingir outras forças e serviços.
Independentemente da opinião que tenham sobre os sindicatos/associações, esse tipo de instituições enquanto defensoras de direitos, serão sempre uma espinha na classe governativa, sejam eles de esquerda ou direita.

Embora não tenha que me justificar a ninguém aqui, e bastando para tal pesquisar nas OS, o trabalho associativo faz-se normalmente durante os dias úteis da semana, raras excepções ao fim de semana. Normalmente utilizo as folgas de serviço para desempenhar as funções associativas, nem sempre utilizo as dispensas do mês.
Para quem desconhece, as dispensas não gozadas não se podem acumular como na PSP, e ainda bem.
avatar
иuησ
Tenente-Coronel
Tenente-Coronel

Masculino
Idade : 40
Profissão : GNR Cavª
Nº de Mensagens : 14128
Mensagem :
Nuno Miguel Guedes

Coordenador da Região de Lisboa

ASSOCIAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA GUARDA - APG/GNR

Meu alistamento : 2000 - AIP

https://www.apg-gnr.pt/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ministra diz que há "um elevado número de sindicatos na polícia"

Mensagem por olhovivo em Seg 05 Set 2016, 22:56

COYOTE escreveu:E porque não apenas uma associação na Guarda,  composta pelos vários dirigentes das existentes para defender os nossos interesses? hmm  


Quando mais unidos mais fortes. ........ Um adversário dividido será vencido.
O projecto de estatuto que anda por aí,não contempla, seguro de acidentes pessoais ou subsidio de risco, para os militares da GNR!
Acresce o pormenor de não ficar nada bem, solicitar o GIOP para as reuniões desse projecto associativo.Talvez seja melhor deixar as coisas assim...
HeeHeeHee
avatar
olhovivo
Sargento-Chefe
Sargento-Chefe

Masculino
Idade : 47
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 2367
Mensagem : Reflitamos em que são diferentes os caminhos que toma cada um para seguir em busca da verdade, em que muitas vezes só um antagonismo de nomes esconde um acordo real.


"Agostinho da Silva"
Meu alistamento : OUT91

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares